Categorias: Emprego

Valor das parcelas do Seguro Desemprego

Veja aqui no site os documentos necessários para dar entrada no seu seguro desemprego.

De acordo com a lista, um dos documentos solicitados é o seu contracheque, emitido pela empresa. Lembramos que você deve ter os seus três últimos contracheques para poder solicitar o seguro desemprego.

Caso você tenha sido demitido sem justa causa, saiba quanto será a parcela a receber.

Quantidade de Parcelas de Seguro Desemprego

O seguro desemprego é pago para trabalhadores que cumprem os requisitos. O número de parcelas é calculado de acordo com o tempo de trabalho antes da demissão.

1 – Três Parcelas: este será o tempo de recebimento do seguro para quem trabalhou entre seis e onze meses, com Carteira Assinada, nos últimos trinta e seis meses – e não solicitou seguro desemprego neste período.

2 – Quatro Parcelas: este é o valor para quem trabalhou entre doze e vinte e três meses, nos últimos 36 meses, antes de solicitar o benefício.

3 – Cinco Parcelas: valor para quem, nos últimos 36 meses, não fez nenhuma solicitação de seguro desemprego e comprovou vínculo de 24 meses ou mais.

Valor das Parcelas do Seguro Desemprego

Tenha em mãos os últimos três contracheques. Eles são necessários para o cálculo do valor da parcela de seguro desemprego a receber.

Você precisa calcular a média salarial dos três meses antes da dispensa sem justa causa. Essa média é o valor a ser calculado. Veja a tabela para o ano de 2015 do valor do seguro desemprego.

Para quem tem salário médio de até R$ 1.222,77, o valor médio a ser pago é 80% do salário médio. – Multiplica-se por 0,8

Para quem tem salário médio de R$ 1.222,78 até R$ 2.038,15, o valor que exceder os R$ 1.222,77 é multiplicado por 50% (0,5) – e somado ao valor fixo de R$ 978,22

Para quem tem salário médio maior do que R$ 2.038,15, o valor da parcela será invariavelmente R$ 1.385,91

Lembrando que o valor mínimo do benefício a ser pago é o salário mínimo, de R$ 788,00

Ricardo Rodrigues

CEO e Fundador da RRNValores Unipessoal, Lda, Ricardo Rodrigues gere uma equipa formada por consultores, criadores de conteúdos e programadores que desenvolvem e mantêm uma plataforma gratuita com informação e comparação de produtos bancários. Formado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (ISEL) e apaixonado pela área Financeira, criou o nvalores.pt em Agosto de 2013 com a missão de garantir uma comparação independente de produtos bancários em Portugal. Exerceu funções de consultor financeiro independente na Empresa Maxfinance, nomeadamente assessoria na obtenção de crédito pessoal, crédito consolidado, crédito automóvel, cartões de crédito, crédito hipotecário, leasing, seguros e aplicações financeiras. Email: geral@nvalores.pt LinkedIn

Este site utiliza cookies.