Categorias: Crédito
| On
13/10/2019

Tire suas dúvidas sobre refinanciamento de imóveis

O empréstimo com garantia de imóveis, também conhecido como home equity, é uma modalidade de crédito em evidência no momento, no país. Como toda modalidade de empréstimo, é bom que você tire todas as suas dúvidas sobre o refinanciamento de imóveis

O refinanciamento de imóvel é uma hipoteca?

Não. Os conceitos são até parecidos, mas a legislação que regula estes contratos é diferente. A hipoteca do imóvel é um contrato de empréstimo, onde a sua casa é dada como garantia do contrato, o que não quer dizer que o banco terá a propriedade em caso de inadimplência, já que a casa pode ser usada em mais de uma hipoteca, por exemplo.

Já o refinanciamento de imóvel funciona com uma “alienação” do imóvel em favor do banco. Este irá registrar o imóvel, e em caso de inadimplência, poderá leiloar o bem para garantir a quitação. E neste caso o imóvel

Por este motivo, e também por conta da crise econômica, os bancos estão mudando seus produtos de crédito de hipoteca para refinanciamento de imóveis, com taxas de juros mais baixas e prazo de pagamento mais longo.

O imóvel está em nome de outra pessoa, posso utilizar ele para quitar minhas dívidas?

Neste caso não. Esta é uma das perguntas mais comuns sobre refinanciamento de imóveis. Não de maneira direta. O empréstimo com garantia é concedido para o proprietário do imóvel, de acordo com o registro em cartório.

Caso alguém de sua família possua um imóvel quitado, você pode verificar junto a bancos a possibilidade de outro tipo de crédito pessoal, com avalista.

As parcelas de minha dívida já comprometem muito minha renda mensal. O refinanciamento de imóvel é uma opção?

Claro. As opções de crédito pessoal geralmente têm prazo de quitação menor. Os bancos oferecem opções de no máximo 5 anos. E com isso, as parcelas acabam comprometendo muito de sua renda. Substituir o crédito pessoal por um refinanciamento de imóvel é uma boa opção neste caso, já que o empréstimo pode ser quitado em até 20 anos. E isso com certeza diminui o valor mensal da parcela.

A minha dívida atual tem juros muito altos. Como posso renegociar?

O crédito com garantia de imóvel possui uma das mais baixas taxas de juros do mercado, em torno de 2% ao mês. Para se ter uma idéia, o cartão de crédito possui juros de até 18% ao mês. Empréstimos pessoais sem garantia estão girando em torno de 5% ao mês. Neste caso, substituir a dívida por um refinanciamento de imóvel nem pode ser uma dúvida. Se você tem essa opção, contrate-a, pois assim estará eliminando muito de seu custo efetivo total, trazendo maior alívio financeiro.

Como faço para contratar um refinanciamento de imóvel?

Geralmente as pessoas não têm muito conhecimento sobre o mercado de crédito. E neste momento os bancos podem se aproveitar para oferecer soluções que nem sempre são as melhores.

A NValores possui consultoria especializada, que pode te dar uma orientação exata de suas necessidades financeiras atuais e oferecer o crédito melhor e mais responsável.

Muitas perguntas e respostas podem surgir na hora da contratação do refinanciamento de imóvel, e por isso a consultoria especializada se faz necessária, principalmente em caso de substituição ou amortização de dívida.

Para um financiamento com garantia em imóvel, é necessário que a pessoa possua imóvel próprio, quitado, e toda a documentação regularizada. Alguns bancos exigem também conta corrente ativa, avalistas, análise de crédito, isto a depender de cada caso. Cabe lembrar que esta opção de crédito só é valida para maiores de 18 anos, por conta da legislação.

O refinanciamento de imóvel é um processo demorado?

Esta dúvida é pertinente, pois em muitos momentos a pessoa precisa de crédito rápido, para satisfazer uma emergência.

O processo não é tão burocrático quanto parece, mas se a pessoa estiver assessorada por uma consultoria especializada pode andar mais rápido. Por isso a NValores oferece contatos diretos com bancos e instituições financeiras, o que vai facilitar o processo de liberação do financiamento.

Por ter várias etapas, o refinanciamento de imóvel não sai em 24 horas. Neste caso, tome cuidado. Muitas financeiras oferecem crédito rápido, sem garantias, e às vezes liberando o dinheiro no mesmo dia. Mas por trás disso se esconde um contrato com juros abusivos e prazo de quitação curto.

Se puder, avalie todas as opções, para fazer a melhor escolha.

Qual é o passo a passo dos refinanciamentos de imóveis?

O primeiro passo é entrar em contato com a NValores, para solicitar as informações mais básicas do empréstimo e responder às perguntas. Diante disto, iremos indicar qual é o crédito mais barato, com prazo que não comprometa sua renda nem sua vida financeira.

Após saber todas as informações, como valor do imóvel, quantia solicitada, renda familiar mensal, preço e prazo de quitação, a NValores indica propostas bancárias, para que o cliente possa tirar as dúvidas sobre qual refinanciamento de imóvel contratar.

Após o envio das informações pessoais, solicitadas pelo banco, este irá processar a análise de crédito, e então, confirmar se a quantia solicitada será liberada, e sob quais condições.

O próximo passo é preparar a documentação necessária para a assinatura do contrato, inclusive com a solicitação de registro do imóvel junto ao Cartório de Registro.

Depois da análise do valor do imóvel e da documentação, o banco irá solicitar um parecer técnico, para concluir a avaliação de valor de mercado do imóvel, e indicar a garantia.

Com estes passos concluídos, o contrato é gerado, assinado pelas partes, e com a assessoria necessária, algumas dúvidas sobre o financiamento do imóvel ainda podem ser discutidas com a instituição financeira.

Por último, o banco indica ao Cartório de Registro de Imóveis a anotação da “alienação fiduciária” do imóvel, e libera o crédito ao cliente, indicando as datas das parcelas e a quantia a ser debitada em conta corrente mensalmente.

Sou obrigado a contratar assessoria para um financiamento de imóvel?

Pela legislação brasileira, o cliente tem o direito de obter todas as informações necessárias para refinanciamento de imóveis diretamente com a instituição financeira.

Porém, como um empréstimo deste porte envolve várias etapas, análise financeira e jurídica, avaliação de imóvel, registro cartorário, entre outros, é recomendável que você entre em contato conosco. O NValores já possui contato com diversas instituições financeiras, e assim você terá em um só local todas as taxas e custos envolvidos, e as opções de prazo. Sem esta assessoria, você teria que buscar cada uma das instituições, separadamente, que oferecem este tipo de produto, para pesquisar e avaliar cada uma das condições. E isto iria custar muito mais tempo.

Ricardo Rodrigues

CEO e Fundador da RRNValores Unipessoal, Lda, Ricardo Rodrigues gere uma equipa formada por consultores, criadores de conteúdos e programadores que desenvolvem e mantêm uma plataforma gratuita com informação e comparação de produtos bancários. Formado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (ISEL) e apaixonado pela área Financeira, criou o nvalores.pt em Agosto de 2013 com a missão de garantir uma comparação independente de produtos bancários em Portugal. Exerceu funções de consultor financeiro independente na Empresa Maxfinance, nomeadamente assessoria na obtenção de crédito pessoal, crédito consolidado, crédito automóvel, cartões de crédito, crédito hipotecário, leasing, seguros e aplicações financeiras. Email: geral@nvalores.pt LinkedIn

Este site utiliza cookies.