Categorias: Crédito
| On
07/06/2017

Posso refinanciar um imóvel já financiado?

Também chamado de “refinanciamento de imóvel com troco” e “crédito imobiliário com troco”, o refinanciamento de imóveis já financiados acontece em duas situações bem distintas.

Este artigo irá expor informações iniciais de cada uma delas. O NValores está aqui à disposição para maiores esclarecimentos.

Venda de imóvel financiado

O seu imóvel está financiado e você vem pagando as prestações do crédito imobiliário direitinho, certo? Mas deseja quitar uma dívida, comprar outro imóvel, trocar de casa, mudar de cidade…

É possível transferir o financiamento?

Sim, neste caso é plenamente possível.

A troca de titularidade de crédito imobiliário funcionará como um refinanciamento de imóvel já financiado.

Neste caso, o banco irá processar a análise de crédito do futuro comprador, capacidade de pagamento, situação atual do imóvel a ser refinanciado. Além disto, é processada novamente a análise de crédito para o vendedor do imóvel.

Quando o banco libera o contrato de financiamento de imóvel, o mesmo é registrado, a titularidade do imóvel é transferida. E depois de um prazo hábil de 30 dias, o banco restituirá o valor do “troco”, equivalente à diferença entre o saldo devedor e o novo financiamento.

Refinanciamento de imóvel com troco

Outro caso de refinanciamento de imóvel financiado, é quando você deseja um crédito maior, e utilizar sua casa como garantia.

O refinanciamento com imóvel de garantia é feito geralmente em imóveis já quitados.

Mas no caso de imóvel não quitado, funciona da seguinte maneira.

O banco irá processar uma análise de seu saldo devedor, de quantas parcelas ainda faltam a pagar e qual o desconto dado em juros e multas.

Após isto, irá processar a análise de crédito para refinanciamento de imóveis, o também chamado “home equity”. Verificará o valor de crédito a ser liberado, e qual a taxa de juros, o tamanho da parcela e o prazo de pagamento.

Se o valor do crédito futuro for maior do que o saldo devedor, o banco irá quitar o crédito imobiliário e incluir, em seu nome, o refinanciamento de imóvel, dando o “troco” da operação como crédito adicional.

Cuidado na contratação

O refinanciamento de imóvel – anteriormente conhecido como hipoteca, atualmente como alienação fiduciária de imóvel – possui taxas muito mais baixas de juros, e o prazo de quitação é longo.

Compensa quando você tem dívidas vencidas e precisa de um alívio financeiro.

Como o NValores tem dito anteriormente em outros artigos, o crédito com garantia em imóvel é uma boa opção para substituir crédito consignado, cartão de crédito, cheque especial, e para conseguir levantar dinheiro para investimentos e reforma de imóveis.

Mas o crédito para aquisição de casa própria ou imóvel comercial, oferecido pelos bancos através do Sistema Financeiro da Habitação e dos recursos da poupança é o crédito com juros mais baixos do mercado. E geralmente possui prazo de pagamento de até 35 anos.

Quando compensa refinanciar um imóvel já financiado

Feitos os alertas, O NValores entende que você precisa de tranqüilidade financeira. E estamos à disposição para oferecer a melhor assessoria em crédito e financiamentos.

Um refinanciamento de imóveis compensa quando você já quitou boa parte das parcelas, e precisa levantar uma quantia em dinheiro para substituir dívidas mais caras. E também, quando você não tem tanta pressa assim.

Isto acontece por três motivos.

1 – As taxas de refinanciamento de imóveis (financiamento com imóvel de garantia) são ligeiramente maiores do que as do crédito imobiliário

2 – O prazo de quitação de um refinanciamento é de até 20 anos, mas o crédito de casa própria pode chegar a 35 anos.

3 – O “troco” do refinanciamento de seu imóvel já financiado demora 30 dias ou mais para ser liberado.

Feita esta avaliação da relação custo benefício, conte com a gente. O NValores pode te ajudar neste processo!

Etapas do refinanciamento de imóvel já financiado.

Os passos são parecidos com os da venda de imóvel já financiado – ou transferência de titularidade de crédito imobiliário.

Primeiramente o banco analisa o saldo devedor do crédito imobiliário. Refaz a avaliação de crédito (com comprovação de renda mensal, documentos pessoais do devedor, avaliação do valor atual de mercado do imóvel) e a quantidade de recursos a serem liberados.

Com o refinanciamento já liberado, o banco irá quitar o saldo devedor do crédito antigo. Logo depois, irá processar a documentação para o registro oficial do refinanciamento. Após este processamento – que pode levar 30 dias – irá liberar o “troco” e começar o registro e cobrança das parcelas.

Ricardo Rodrigues

CEO e Fundador da RRNValores Unipessoal, Lda, Ricardo Rodrigues gere uma equipa formada por consultores, criadores de conteúdos e programadores que desenvolvem e mantêm uma plataforma gratuita com informação e comparação de produtos bancários. Formado em Engenharia Civil pelo Instituto Superior de Engenharia de Lisboa (ISEL) e apaixonado pela área Financeira, criou o nvalores.pt em Agosto de 2013 com a missão de garantir uma comparação independente de produtos bancários em Portugal. Exerceu funções de consultor financeiro independente na Empresa Maxfinance, nomeadamente assessoria na obtenção de crédito pessoal, crédito consolidado, crédito automóvel, cartões de crédito, crédito hipotecário, leasing, seguros e aplicações financeiras. Email: geral@nvalores.pt LinkedIn

Ver comentários

  • Tenho um apto financiado, posso permutar com uma casa também financiada também,no caso o meu apto é mais barato que a casa,como proceder

  • Comprei um AP financiado no nome da minha cunhada, ja paguei uma boa parte das parcelas, agora preciso passar pro meu nome, mas eu queria trocar por um maior pq o q comprei so tem 2 quartos. Isso é possível?

  • Tenho uma casa financiada pela caixa,já paguei três anos de 360 meses,posso refinanciar pelo outro banco!!! Ou financiar pra outra pessoa

  • Tenho uma apartamento financiada pela caixa,já paguei mais da metade ,posso refinanciar pelo outro banco!!

Este site utiliza cookies.